segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Musical sobre a Paixão de Cristo

Cena 1: Abertura
Narração: Este musical é baseado em fatos históricos, reais e descrito nos evangelhos das sagradas escrituras, que têm sido ao longo dos séculos a fundamentação da fé de milhões de pessoas em todo o mundo. Nós, que desfrutamos desta mesma fé, cremos que o maravilhoso plano de salvação de Deus foi consumado por Cristo Jesus, que cumpriu o propósito do Pai, através de seu nascimento, sua vida, sua morte e por fim, sua ressurreição. Este é o significado pleno de uma vida com um propósito: seu começo justifica seu fim e seu fim testifica do seu começo. Sendo assim, torna-se impossível celebrarmos apenas o nascimento de Cristo, porque Cristo já nasceu em sua própria cruz.
·         Trilha sonora de da música 1( um tom leve para introduzir o musical)

( enquanto estiver narrando a segunda parte, entra a multidão e Jesus. Jesus deve entrar dramatizando com a multidão, como se estivesse curando e ensinando. Devem mostrar Jesus: curando um cego, uma mulher com um pano vermelho na mão representando a cura da mulher do fluxo de sangue, uma mulher derramando perfume nos seus pés)
Narração: Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens. E a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam. Ali estava a luz verdadeira, que ilumina a todo o homem que vem ao mundo.
Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu. E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Veio para o que era seu, e os seus não o receberam.Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;
Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.

·         Música 1: Vivo ele está ( última parte)

Vivo Ele Está

Voices

Vivo Ele está
Aleluia, Cristo vivo está
Ele levou sobre Si
As nossas maldições
E o castigo que nos traz a paz estava sobre Ele
E pelas Suas pisaduras nós fomos sarados
Fomos sarados
Jesus morreu por nossas vidas e ressuscitou
Ressuscitou
Ressuscitou
Ressuscitou
Vivo Ele está
Aleluia, Cristo vivo está
Aleluia, Cristo vivo está
Ressuscitou
Vivo Ele está

(os apóstolos se dirigem pra mesa da ceia, enquanto os outros ficam no espaço designado para o coral fingindo que estão fazendo outras coisas)
Cena 2: A Ceia
·         (trilha sonora do teclado)
Narrador: E sabendo Jesus que era chegada a sua hora, de passar deste mundo para o Pai e havendo amado os seus discípulos que estavam no mundo, amou-os até o fim. Enquanto ceiavam, tendo o diabo já posto no coração de Judas para que o traísse, Jesus, sabendo que o Pai lhe entregara tudo nas mãos e que viera de Deus e para Deus voltava, levantou-se da ceia e disse:
Jesus: Tenho desejado ansiosamente comer convosco esta páscoa, antes do meu sofrimento; Porque vos digo que não a comerei mais até que ela se cumpra no reino de Deus.
Narrador: E, tomando o pão, e havendo dado graças, o partiu, e deu-lho, dizendo:
Jesus: Tomai, comei, isto é o meu corpo que por vós é dado; fazei isto em memória de mim.
Narrador: Semelhantemente depois de cear, tomou o cálice e disse:

( começa a música 2)
Jesus: Este, este é o cálice do meu sangue, sangue da nova e eterna aliança, que é derramado em favor de vós. 
·         Música 2:
Vinho e Pão

Na mesa, o pão, o vinho também
No peito, uma dor, com aquilo que vem
De um lado, um sorriso, do outro, traição
Ele abençoa e parte o pão
E lava os pés daqueles fiéis
E mesmo o traidor recebe assim
Deu vinho e o pão ao invés de rancor
Lavou nossos pés, e enxugou com a dor


Naquele partir estava todo o meu ser
Partido por mim e pelo meu viver
No vinho, o amor; no sangue, o perdão
Em seu meigo olhar, a minha salvação


Um hino cantou depois de cear
E era o louvor que vinha preparar
A maior canção cantada na cruz
Escrita na Ceia pelo meu Jesus


Cena 3: Jesus no Getsemani

·         (começa a trilha da música 3)

Narrador: E então, saiu Jesus de onde estava, e segundo seu costume foi para o Getsemani, para o Monte das Oliveiras; e também os seus discípulos o seguiram. E quando chegou àquele lugar, pediu-lhes que orassem e afastou-se deles, para que a sós, também buscasse ao Pai em oração, dizendo:
Jesus: (ajoelhado e aflito) Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua. 


·         Música 3

Adonai, Aba Pai

Aline Barros

 

Adonai, Aba Pai, seja feita a tua vontade
Adonai, Aba Pai, este cálice eu vou beber

Nascerá um novo olhar
Porque não vou desistir
Quero ser fiel até o fim
Teu caminho vou seguir


Adonai, Aba Pai, seja feita a tua vontade
Adonai, Aba Pai, este cálice
Eu vou beber, eu vou beber


(nesta hora entram os soldados com um pequeno grupo de pessoas para prender Jesus; enquanto termina a música, Jesus já deve estar sendo preparado para a crucificação)

(todos)Nascerá um novo olhar
Porque não vou desistir
Quero ser fiel até o fim
Teu caminho vou, eu vou seguir


Adonai, Aba Pai, seja feita a tua vontade
Adonai, Aba Pai, este cálice eu vou beber (2x)


(entra Jesus já ensaguentando e com a cruz, lentamente, com os soldados escarnecendo dele e o açoitando)

Cena 4: Antecedentes da crucificação -  A coroa de Espinhos

Narração: Então mandou Pilatos açoitar a Jesus e o entregou aos seus soldados para ser crucificado. Estes, o despiram, vestindo-lhe um manto escarlate E, tecendo uma coroa de espinhos, puseram-lhe sobre a cabeça, e em sua mão direita uma cana; e, (começa a trilha da música 4 ) ajoelhando-se diante dele, o escarneciam, dizendo: Salve o Rei dos judeus.

·         Música 4

A Coroa

Raiz Coral

A coroa que ele usou não era de ouro
Apesar de o coroarem como rei
Não era de rubi ou diamantes
Mas era feita só de espinhos vis

Por que tratar um rei desta maneira
E por que fazê-lo usar coroa tal?
Ele nunca foi forçado a usá-la
Mas por amor deixou seu lar real


A coroa que Jesus usou na cruz
Fora feita para mim
Ele a Trocou pela minha salvação
E jamais terá de usá-la outra vez


O inimigo não desiste facilmente
Ele quer fazê-lo usar coroa tal
Mas tenha isto sempre em sua mente
No calvário o bem venceu o mal


·         ( trilha pesada)

Cena 5: Antecedentes da Crucificação – Sofrimento de JESUS

Narração: E então os soldados tomaram Jesus, ele próprio levando a sua cruz. E
Saíram para um lugar chamado Caveira, que em hebraico se chama Gólgota, onde o crucificaram, e com ele outros dois, um de cada lado, e Jesus no meio. Na cruz, acima de sua cabeça, estavam escritas as seguintes palavras: Este é o Rei dos Judeus! ( os soldados devem rasgar o manto e sortear os pedaços). Então, os soldados, repartindo as vestes de Jesus, lançaram sortes. O povo estava ali e a tudo observava. Também as autoridades zombavam e diziam:
Autoridades: Se é de fato o filho de Deus, o escolhido, salva-te a ti mesmo! Salvou aos outros, agora, salva-te a ti mesmo! ( com ironia, dando risadas)
Narração: Contudo, Jesus dizia:  ( começa a música 5)
Jesus: Pai perdoa-lhes, pois eles não sabem o que fazem... (o povo está dividido; a maioria zomba e ri de Jesus, enquanto a minoria - mais mulheres - estão chorando)

·         Música 5

Getsêmani
Leonardo Gonçalves

No Getsêmani foi que meu Jesus orou,
Se entregando ao Pai mais uma vez.
Logo vieram pessoas para o levar
Para a maior das provações
Ele tanto amou tudo suportou.
Ele carregou a nossa cruz.

Ver os cravos nas mãos, seu corpo a sofrer
Naqueles momentos de dor.
Ver o mestre a chorar e foi por você
Que ele mostrou tanto amor.

Os soldados cuspiam no seu rosto nu...
Posso ouvir o clamor da multidão.
E Jesus a olhar aquele céu azul
Pede ao Pai que lhes dê o seu perdão.
Ele tanto amou, tudo suportou.
Ele carregou a nossa cruz.

Ver os cravos nas mãos, seu corpo a sofrer
Naqueles momentos de dor.
Ver o mestre a chorar e foi por você
Que ele mostrou tanto amor.
Ele tanto, tanto me amou.
Ele tudo por mim suportou,
Carregou minha cruz



Cena 6: A Crucificação

·         (trilha de suspense)

Narração: E era já quase a hora sexta, e escurecendo-se o sol, houve trevas em toda a terra até à hora nona. E rasgou-se ao meio o véu do santuário. E, clamando Jesus em alta voz, disse:
Jesus: Eli, Eli, lamá sabactâni! Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? (pausa pra respiração ofegante) Pai,nas tuas mãos entrego o meu espírito. (abaixa a cabeça e morre; começa a música) Está consumado!

·         Música 6

Tomou o Meu Lugar

Alessandra Samadello

 

Com malfeitores morreu,
Por minha culpa, Jesus a vida deu;
Foi quebrantado, grande dor sofreu,
O meu pecado Ele recebeu;
Sem ver bondade , chorou,
Foi meu pecado que Ele carregou;
Foi esmagado por querer amar,
E tudo isso foi em meu lugar


Se entregou por mim
Morreu pra me salvar, 
Na cruz Jesus tomou o meu lugar
Amor assim jamais existira
Se entregar so pra me salvar.
Morto foi Jesus, Cordeiro de Deus,
Senhor da Cruz, eternamente Rei;
Amor assim jamais existira
Tomou pra sempre o meu lugar


( na segunda vez que repetirem a música, devem tirar o corpo de Jesus e o preparar para a outra parte da peça, quando ele já está ressuscitado)

Cena 7: A Ressurreição

·         (trilha sonora da música 6)
Narração: E no terminar do sábado, ao entrar no primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver o sepulcro. E eis que houve um grande terremoto, ( barulho de terremoto) porque um anjo do Senhor desceu do céu, chegou, removeu a pedra e assentou-se sobre ela, e os guardas tremeram, ficaram como se estivessem mortos. Jesus já não estava mais no túmulo, pois havia ressuscitado como havia dito.

( pausa pequena)

Narração: E no primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao sepulcro de madrugada, sendo ainda escuro, (começar a chorar e a se ajoelhar). Estando ela, pois, chorando, abaixou-se para dentro do túmulo e viu dois anjos vestidos de branco, assentados onde o corpo de Jesus estava posto, E disseram-lhe eles:
Anjos: Mulher, por que choras?
Maria Madalena: Porque levaram o meu Senhor, e não sei onde o puseram. (chorando) 
Narração: E, tendo dito isto, voltou-se para trás, e viu Jesus em pé, mas não o reconheceu. Então perguntou-lhe Jesus:

Jesus: Mulher, por que choras? A quem procuras?
Narração: Ela, supondo ser ele o jardineiro, disse-lhe:
Maria: Senhor, se tu o levaste, diga-me onde o puseste, e eu o levarei.
Jesus: Maria!
Maria: Raboni, Mestre! (fala com alegria e tenta abraçar Jesus, mas ele a impede)
(começa a música) 
Jesus: Não, Não me detenhas, porque ainda não subi para meu Pai, mas vai para meus irmãos, e dize-lhes que eu subo para meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus.  ( Maria sai alegre e correndo, enquanto Jesus sai pelo outro lado se preparando para a última cena)


·         Música 7

Ele Vive

Leonardo Gonçalves

 

Hoje é domingo de manhã,
Hoje o sol não quer brilhar
Tudo é solidão...
E elas vêm dizer:de madrugada ressurgiu

Não acredito em ilusões,
O sol da justiça se apagou
O mundo inteiro viu
Os cravos em suas mãos,
O seu corpo a sofrer,
Sua morte lá na cruz não consigo entender
E agora este túmulo vazio,
Esse anjo a questionar:
Porque procuro entre os mortos quem vivo está?


E hoje sou livre, pois Ele vive
Ele vive, Ele reina em mim, Em mim
Morte e pecado foi derrotado
E eu sou livre, eu sou livre enfim, de mim


Como Jesus ressuscitou
Da morte eterna para luz
Da água renasci
E faz sentido servir
Alguém melhor que eu

E hoje sou livre, pois ele vive
Ele vive, Ele reina em mim


E os que descansam no senhor
Quando voltar despertarão
E em sua carne enfim verão a Deus


Todos os dias de manhã
Quero renascer


Cena 8:  Ascensão

·         (trilha sonora da música 7)

Narração: E levou Jesus seus discípulos para fora e levantando suas mãos os abençoou, dizendo:
Jesus: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.
Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas; Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão. É-me dado todo o poder no céu e na terra.
Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. 


Narração: E,quando dizia isto, vendo-o eles, foi elevado às alturas, e uma nuvem o recebeu; O Senhor, depois de lhes ter falado, foi recebido no céu, e assentou-se à direita de Deus. ( começa a música 8)Então voltaram os discípulos com grande júbilo para Jerusalém e estavam sempre no templo, louvando e bendizendo a Deus, esperando a grande promessa do Senhor ser cumprida.

·         Música 8

Glória de Deus

Eyshila

 

Esse lugar tá cheio de algo
Que eu não vejo, mas sinto
Algo mudou tudo aqui
Eu posso ouvir rumores do céu
Ele passeia agora
Chegou bem na hora

É a glória de Deus 2x

Glória, sobe
Glória, desce
Glória, fica
Glória, edifica
A glória nos ensina
O Senhor Jesus está nesse lugar
Vamos glorificar

Glória, enche
Glória, vem
Glória, transforma
Glória, toca
E toda a Igreja chora
Glória, é o mover do Espírito
Que é derramado aqui neste lugar


O Monte Sinai fumegava
A glória estava presente ali
Hoje vai fumegar
A glória está descendo aqui
Ele passeia...
Glória, glória, glória


Cena 9 : Encerramento

( todos devem entrar aos poucos para cantarem juntos)

Narração: E as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.  
 (trilha sonora da música 9)

Narração: E Este é o plano maravilhoso de Deus. Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna. E este é o nosso desejo, de estarmos unidos para sempre com o Senhor, na nova Jerusalém, adorando-o e bendizendo-o por toda a eternidade.

·         Música 9:

Cidade Santa

Aline Barros

 

Dormindo no meu leito,
Em sonho encantador.
Um dia eu vi Jerusalém
E o templo do Senhor.
Ouvir cantar crianças,
E em meio ao seu cantar
Rompeu a voz dos anjos,
Do céu a proclamar:
Rompeu a voz dos anjos,
Do céu a proclamar:


Jerusalém! Jerusalém!
Cantai, ó Santa Grei!
Hosana! Ho - sa - na!

Ho - sana ao
Vosso Rei!
Então o sonho se alterou,
Não mais o som feliz
Ouvi-a das Hosanas
Os coros infantis.
O ar em torno se esfriou,
Do sol faltava a luz,
E num alto e tosco monte vi
O vulto de uma cruz!
E num alto e tosco monte
Vi o vulto de uma cruz!
Jerusalém! Jerusalém!
(Aos anjos escutei),
Hosana! Ho - sa - na!

Ho- sana ao vosso Rei!
Jerusalém! Jerusalém!
Teu dia vai raiar!
Hosana! Hosa - na!
Ho - sana sem cessar!
Hosana sem
cessar!


(os personagens devem abrir uma ala para deixar Jesus passar como Rei)

(Falando)
Ainda a cena se mudou;
Surgia em resplendor a divinal
cidade,
Morada do Senhor.
Da lua não brilhava a luz,
Nem sol nascia lá
Mas só fulgia a luz de Deus,
Mui pura em seu brilhar.
E todos que queria, sim,
Podiam logo entrar
Na mui feliz Jerusalém,que nunca passará



·         Textos retirados dos Evangelhos da Bíblia Sagrada e do Musical O Cristo da Paixão - MK Music

Deus abençoe! Que possamos trabalhar todos juntos em harmonia!
Versículos para meditação:
“Façam tudo sem queixas nem discussões - Filipenses 2:14-15
“Assim, quer vocês comam, bebam ou façam qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus. 1 Coríntios 10:31-32
“Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai.Colossenses 3:17-18”
“Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os homens,
sabendo que receberão do Senhor a recompensa da herança. É a Cristo, o Senhor, que vocês estão servindo. Colossenses 3:23-25

Um comentário:

  1. OPA, PERFEITO O TEXTO, TEM ALGUM VÍDEO DESSA APRESENTAÇÃO E O ÁUDIO? GOSTARIA DE REPRODUZIR EM MINHA CONGREGAÇÃO. MEU ZAP: 84991472043. DESDE JA AGRADEÇO.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu cometário sobre as postagens!
Obrigada!!